Cevadas para fabrico de cerveja

Em todo o mundo, existem várias centenas de variedades de cevadas para o fabrico de cerveja, adaptadas às condições locais.

As cevadas de Inverno (2 carreiras / 6 carreiras) para o fabrico de cerveja são principalmente cultivadas na Europa Ocidental (GB/F) com uma particularidade francesa em relação à produção de 6 carreiras de Inverno para o fabrico de cerveja. O número de variedades do tipo “Inverno” está limitada em relação às variedades de cevadas de Primavera desenvolvidas no mundo com adaptações agronómicas e qualitativas em função das condições locais.

A cevada para o fabrico de cerveja, “a alta tecnologia dos cereais”, necessita de uma atenção particular mesmo antes de ser semeada e até ao armazenamento das sementes.

Face ao conjunto de critérios exigidos pela fieira, o agricultor deve responder a um certo número de exigências. Após a escolha de uma variedade para o fabrico de cerveja, as condições da sementeira são determinantes para a boa implantação das cevadas para cervejeiras. De seguida, é necessário gerir a fertilização azotada, de modo a escolher o teor em proteínas, parâmetro essencial para o fabricante de cerveja. A recolha deve ser efectuada na maturidade fisiológica completa e evitar qualquer mistura de variedades durante o transporte e armazenamento.

Cultura

As cevadas de Primavera são relativamente sensíveis ao gelo na colheita, enquanto que as cevadas de Inverno são sensíveis antes do rebento e na Primavera, quando as baixas temperaturas são susceptíveis de dar origem a fenómenos de esterilidade. Entre os cereais, as cevadas são as mais sensíveis ao excesso de água, ocasionando um deficit de oxigénio ao nível dos solos, que afecta o crescimento das culturas. As cevadas são também sensíveis às temperaturas elevadas durante o preenchimento da semente (escaldadura) com impacto na calibração. As condições climáticas durante o ciclo vegetativo das cevadas desempenham um papel determinante na germinação antes da recolha.

A cevada de Primavera com um ciclo vegetativo relativamente curto, é um dos cereais que necessita de menos entradas (adubo, produtos fitofarmacêuticos).

Novas variedades

São necessários cerca de 10 anos para criar uma variedade de cevada de Inverno para o fabrico de cerveja e 5 a 7 anos para uma cevada de Primavera para o fabrico de cerveja.