Agente técnico de experimentação

O agente técnico de experimentação tem um papel importante a nível da pesquisa e desenvolvimento. Ele cuida do bom desenrolar das experiências efectuadas em diferentes variedades de cevada, de modo a permitir ao responsável pelo desenvolvimento das variedades manter as variedades que permitem satisfazer o conjunto de participantes na fieira.

Ele visita regularmente os campos de testes, de modo a preparar as sementeiras e seguir o desenvolvimento vegetativo das cevadas assim testadas. Ele também se encarrega do seguimento da recolha destes testes.

De seguida, ele testa estas variedades de cevada, definidas pelo responsável do desenvolvimento das variedades, em micro-cervejeiras. Esta etapa consiste em reproduzir, numa pequena quantidade de cevada, o processo de fabrico do malte, nas instalações de tamanho adaptado. No final desta etapa, ele deve constatar e analisar os resultados: O comportamento das cevadas durante a transformação, a sua aparência e as propriedades qualitativas do malte obtido.